terça-feira, 12 de julho de 2011

Com muito adeus.

É até um pouco irônico que o título do meu blog seja "sem mais adeus", visto que a coisa que eu mais faço é dar adeus. Adeus à mim mesma, aos meus velhos hábitos. Ao meu conformismo, à minha zona de conforto. Adeus às pessoas, aos momentos, as lembranças. Agora, depois de um ano sendo au pair estou dando mais um adeus. Adeus a essa família que me acolheu, e que convenhamos, mesmo não sendo a host family mais perfeita desse mundo, vai deixar saudades. Vou sentir saudades de buscar as kids na escola e receber um abraço apertado. De receber lambidas, cartinhas, desenhos, beijinhos com meleca de nariz. Vou sentir saudades de discutir com uma menina de 6 anos que acha que já é adulta. Vou sentir saudades de rir das coisas que o menino fala, porque, sabe-se lá o que ele tá falando mesmo... vou sentir saudades da pequena: da carinha de sono depois da sonequinha da tarde, do sorriso de dentes separados. Vou dizer adeus mais uma vez. Fico triste, aliviada, feliz. Não sei. É só mais uma fase que chega ao fim. E eu gosto de recomeços. Vou sentir saudades desse ano que me marcou. Esse ano mudou minha maneira de olhar o mundo e de encarar meu futuro. Esse ano me ofereceu os melhores amigos mais estranhos que já tive. Um monte de gente que parece que se conheceu porque acabou caindo no mesmo buraco. Esse ano me deu domingos de ressaca e as memórias mais engraçadas que poderia ter. Nem sempre foi fácil: deu saudade, ansiedade, raiva. Mas esse ano me ensinou que tudo acaba, basta paciência. Estou entrando em uma fase nova da minha vida: nova cidade, nova casa, universidade, etc. Estou com medo, confesso. Mas estou muito mais ansiosa e na expectativa de que os anos bons só estão começando. E que venham muitos "adeus" pela frente.

Um comentário:

  1. se o que vc mais faz é dar adeus, a segunda coisa que vc mais deve fazer é dar olás... =) e por isso fico feliz por ti! que venham muitos olás ainda!

    ResponderExcluir